Notícias

São Paulo pode negociar Jean com o Benfica Bahia tem 30% dos direitos

  por Toy Guimarães - 14/01/2019 16:29
Fonte: Futebol Bahiano

São Paulo ainda tenta ficar com 100% do passe.

Contratado pelo São Paulo em dezembro de 2017 em uma transação iniciada pela gestão Marcelo Sant’Ana e concluída pelo o atual presidente Guilherme Bellintani, o goleiro Jean, de 23 anos, terminou 2018 como titular da meta são paulina após uma disputa acirrada com Sidão. Porém, com a chegada de Tiago Volpi, o ex-tricolor deve perder espaço e, diante do interesse de clubes europeus no seu futebol, pode deixar o Morumbi ainda no início de 2019. No ano passado, Jeanzinho fez apenas 18 jogos e esse ano terá uma forte concorrência e precisará trabalhar dobrado para se manter como dono da camisa 1.

A insistência do São Paulo em adquirir os outros 30% dos direitos econômico do goleiro Jean tem um forte motivo. O jogador é cobiçado por clubes europeus, casso de Inter de Milão, Benfica, Porto e Manchester City recentemente. Porém, neste sábado, fontes próximas ao atletas afirmam que o destino mais provável é o futebol português onde deve vestir as cores do Benfica que fez uma sondagem e iniciou conversas para contar com o jovem arqueiro. A chegada de Tiago Volpi ao Morumbi aumentou a possibilidade de saída do jogador.

Apesar da insistência do São Paulo, o Bahia não aceitou vender o passe do goleiro. Victor Ferraz afirma que não existem tratativas para negociar a parte do jogador e nem o desejo de se desfazer da porcentagem. “Então o Bahia tem o percentual, é um atleta que é virtuoso, que tem um futuro promissor pela frente. E, por enquanto, é um ativo que o clube mantém. Não tem nenhum tipo de tratativa neste sentido”, assegurou.

No fim de 2017, o presidente Guilherme Bellintani explicou os detalhes da transação: O São Paulo adquiriu 70% do goleiro por valor líquido e aproximado de R$ de 9 milhões (valor específico, sem comissões de empresários, parcelados em dois anos) – chegou-se a ser comentado pela imprensa, e até hoje dizem, que o valor foi de 6,8 milhões com mais 4 milhões caso o jogador cumprisse metas.

Além da quantia, o Esquadrão ficou com o meia Régis em definitivo com contrato de três anos. E também envolveria um segundo atleta. Muito se falou no zagueiro Iago Maidana, de 21 anos, que acabou acertando com o Atlético-MG. A diretoria tricolor ainda estaria no prazo para decidir qual atleta desejaria e se este teria interesse em vir e ainda se estaria dentro da realidade do clube.

No entanto, após vasculhar o elenco do São Paulo na época, o Bahia não encontrou boas opções e desistiu de trazer um jogador do clube do Morumbi. Sendo assim, como ficou acordado em contrato, o Esquadrão recebeu uma porcentagem maior do meia Régis, um dos envolvidos na negociação, ao invés de optar pela vinda de um atleta.

+ Esportes

Comentários









Enquetes


Categorias

Áudios Cidades Colunas Educação Entretenimento Esportes Mensagens PodCast Polícia Política Publicidade Saúde Tempo

Rede Criativa

Mídia Notícias Rádio Hoje Brasil Repórter Hoje

Cidades

Amargosa Baixo Sul Brejões Elísio Medrado Itatim Laje Milagres Piemonte do Paraguaçú Recôncavo Baiano Salvador e RMS Santo Antonio de Jesus São Miguel das Matas Ubaíra Vale do Jiquiriçá Varzedo Vitória da Conquista e Sudoeste
Anunciar | Você Repórter | Termos de Uso | Contato | Expediente
©Copyright - Criativa On Line - Rede Criativa de Comunicação
A Força da Comunicação na Internet! 21/03/2019 19:54