Notícias

Juiz erra, ajuda, e Vitória não vence o Flamengo no Barradão

  por Magno Bastos - 14/04/2018 21:28
Fonte: Futebol Baiano

Resultado horrível que também é um forte indicador que este ano, como nos dois anos anteriores, o Leão vai sofrer e impor sofrimento aos seus torcedores.

O Esporte Clube Vitória começou o Brasileiro deste ano como acabou no ano passado: Decepcionando. Atuando hoje à noite no Barradão, o clube baiano apenas empatou com o Flamengo em 2 x 2 mesmo atuando dentro de casa, diante da sua torcida, e o mais grave, enfrentando um adversário que jogou 80 minutos, sem os acréscimos com apenas 10 jogadores após ser expulso de forma injustificada.

Os primeiros 12 minutos do jogo Vitória e Flamengo foram daqueles listados com eletrizante e cheio de emoções rápidas de lado a lado. Aos dezesseis segundo de jogo, sem que o Vitória tivesse tocado na bola, Lucas Paquetá aproveitando passe de Vinicius Junior abre o placar fazendo 1 x 0 para time carioca, com a rapidez de quem furta.

Gol raro que pegou não tão somente o Vitória, como o próprio Flamengo de surpresa. Aos 9 minutos, o Leão que não se abateu, reagiu e em numa autentica blitz na área carioca, que gerou um bate e rebate, com a bola sobrando para Denilson que chuta a bola bate que na cara de Éverton Ribeiro, porém, árbitro mato-grossense Wagner Reway em um erro escandaloso marcou pênalti, acreditando que a bola foi tirada com as mãos pelo atacante e para completar, atendendo o que recomenda as regras do jogo, expulsou o jogador, deixando o time carioca com 10 homens aos 10 minutos ainda do 1ª tempo.

No segundo tempo, apesar de atuar com um adversário com um jogador a menos e dentro de casa, o Esporte Clube Vitória até que foi superior, pressionou o time carioca, no entanto, sem a força necessária para virar o placar e por capricho, acabou levando o segundo do Flamengo em novo erro de arbitragem, agora desconsiderando impedimento de Willian Arão no gol marcado pelo zagueiro Rever. Ainda teve um pênalti claro em Diego não marcado pelo juiz. Rapidamente, o Vitória reagiu, correu atrás e três minutos depois, Rhayner recebe na direita levanta a bola na área e Denílson de cabeça mete no canto esquerdo de Diego Alves e assim acabou o jogo.

Sem pausa ou descanso para atender um calendário perverso, o Esporte Clube Vitória dá folga aos jogadores e já reapresenta próxima nesta segunda-feira para iniciar os preparativos do jogo contra o Internacional de Porto Alegre que acontece na próxima quinta-feira (19) agora pela Copa do Brasil, porém atuando novamente no Estádio Manoel Barradas Carneiro.

Por ter perdido o jogo de ida por 2 x 1 no Beira Rio, o Vitória precisa vencer por dois ou mais gols de diferença para avançar direto para as oitavas de final. Caso triunfe por um gol de vantagem, a decisão será resolvida através das cobranças de pênaltis. Empate ou vitória classifica o clube gaúcho para as oitavas de finais da competição.

Pelo Campeonato Brasileiro, o compromisso do Leão será no Estádio Independência em Minas Gerais local onde enfrenta o Atlético-MG pela 2ª rodada do Campeonato Brasileiro.

+ Esportes

Comentários









Enquetes


Categorias

Áudios Cidades Colunas Educação Entretenimento Esportes PodCast Polícia Política Publicidade Saúde Tempo

Rede Criativa

Mídia Notícias Rádio Hoje Brasil Repórter Hoje

Cidades

Amargosa Brejões Elísio Medrado Itatim Laje Milagres Piemonte do Paraguaçú Recôncavo Baiano Salvador e RMS Santo Antonio de Jesus São Miguel das Matas Ubaíra Vale do Jiquiriçá Varzedo
Anunciar | Você Repórter | Termos de Uso | Contato | Expediente
©Copyright - Criativa On Line - Rede Criativa de Comunicação
A Força da Comunicação na Internet! 24/10/2018 01:04